sábado, 11 de abril de 2015

"Livre"

"... as feridas vem do mesmo lugar que as suas forças"
 
"Não há como saber o que faz algo acontecer, ao invés de outra coisa. O que leva a algo. O que destrói algo. O que faz algo florescer ou morrer. Ou tomar outro rumo .
E se eu me perdoar? Mas se eu voltasse no tempo, não faria nada diferente. E se tudo o que eu fiz, foi o que me trouxe até aqui?"
 
Muito bom... grande filme.

4 comentários: