quinta-feira, 5 de março de 2015

Aquela voz interior (continuaçao)...

Gostas-te de o ver? Sim, eu sei que sim... Estava bem, não estava? Giro? Pois, estava. E agora já nem ficas nervosas... finalmente estas a conseguir ultrapassar aquela insegurança que sentias, o discurso já flui, as mãos já não tremem, é só mais uma pessoa, uma pessoa especial, vá não negues! Sim, eu sei que "isso" não daria em nada, eu sei... mas mesmo assim, gostas de pensar no que poderia ter sido... para quê Maria, não vale a pena. Sabes, este diário não devia ser diário de uma alma, mas diário de amores, já reparas-te que nos últimos tempos 95% do que escreves aqui é sobre sentimentos, é de mais não achas? ok, eu sei que se não for aqui, não é em lado nenhum, és incapaz de expores os teus sentimentos... sim, eu sei que tens medo que te critiquem mas algum dia vais ter que verbalizar o que sentes, mentaliza-te disso. Vá miúda, pra frente é que Roma... ide.

P.S.: E agora cinema... Finalmente vou ver "O jogo da imitação".

2 comentários:

  1. Gostei deste post,a maneira como te dirigues a ti está gira... E Maria não importo o que escreves se é sobre sentimentos ou nao, escreves o que precisas o que te alivia um pouco e é isso que importa mulher :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens razão Mariah, mas tenho verificado, que tem sido sobre sentimentos... mas o que importa é eu sentir-me bem... Beijinho.

      Eliminar