domingo, 2 de novembro de 2014

Ponto da situação

Lembram-se de eu dizer à uns tempos atrás num post algo do género "todos os dias entram pessoas na minha vida, entram e saem a velocidade da luz, num corrupio desmedido... No fim do dia cá estou eu, só no sitio do costumo... Poucas ou nenhuma tem a ousadia de passar está barreira invisível que existe em mim"... lembram-se? Pois, referia-me a uma simples amizade ou algo mais forte que a amizade. "Hoje" ouve alguém que teve a ousadia de quebrar esta barreira... alguém que me disse o que nunca pensei ouvir (neste caso ler)... um rapaz pela primeira vez deu-me a entender que está interessado em mim... sim, pela primeira vez, aos 25 anos alguém me elogia como mulher, como pessoa... Esse rapaz é daqui da terra apesar de só o conhecer melhor desde que comecei a trabalhar (+/- 1 anos), também é mais velho do que eu, uns aninhos... esse rapaz desde alguns meses anda na minha cabeça, como alguém que poderia ser algo mais para mim, apesar de o conhecer muito pouco...
É bom, muito bom perceber que alguém gosta de nós.

Pois, temos trocado mensagens... mas nestes dias em que tem acontecido isto tudo, tenho pensado muito... 99% do tempo, o meu pensamento é só um: ele. Sinto-me tao perdida... Algo que desejei tanto e agora não consigo sentir aquele click, não consigo sentir que é o tal, que é especial.. dizem que quando gostamos de alguém não damos pelo tempo passar, conversa-se horas a fio, sente-se uma ligação, certo? Pois... nestes dias senti varias coisas, mas não senti isso... Perdi o apetito, na primeira noite que enviei a menagens não consegui dormir e sinto uma espécie de felicidade por isto me ter acontecido...

Sinto que não tenho conversa para teclar com ele, sinto que falta muito.... talvez ainda tenha passado pouco tempo, talvez este nervo miudinho me esteja a bloquear... Desde ontem que não foi ao FB e agora que foi lá tinha um bonequinho com carrinha triste e o numero de tlm dele para enviar msg quando pode-se teclar... Pois, não sei mesmo o que fazer... sinto-me tao parva, tao estupida, a perder uma oportunidade. E depois disto tudo como o vou enfrentar, frente a frente... Estou com vontade de bater com a cabeça nas paredes. Uma vez ouvi dizer "Tem cuidado com o que gostas/queres porque um dia podes conseguir"... temo que esta expressão se aplica agora.

6 comentários:

  1. calma, respira.

    a vida não é como nos livros e romances. vai descobrindo o que sentes passo a passo sem grande medo. não queiras definir o que ainda nem deve ter definição. dá-te a conhecer e conhece a outra pessoa. vive a vida, saboreia cada momento e não tentes dar nomes às coisas. simplesmente ouve-te a ti e àquilo que sentes e respeita-o!...

    se estiveres com dúvidas não te compares aos filmes pensa só: "estou feliz, alegre ou triste?; Isto faz-me bem ou mal?" na resposta vais percebendo os passos a seguir.

    pelo menos é assim que penso

    ResponderEliminar
  2. Deixa de falar com ele virtualmente e tenta uma aproximação real!
    Talvez aí já consigas esclarecer o que realmente sentes por ele....

    ResponderEliminar
  3. Acho que estás a pensar de mais! Deixa-te ir...mesmo que não dê em nada romântico podes ter aí um amigo.
    Os pensamentos não ajudam, acredita que sei do que falo. Não te preocupes com o que ainda não aconteceu ou com o que pode acontecer, porque é da maneira que não acontece nada dessa forma. A vida é uma surpresa :)

    ResponderEliminar
  4. Hmm.. Se não sentes aquele "clic" então não estás a perder, estás a esperar por algo mais. Vai vendo com calma, mas não te iludas, nem iludas o rapaz. Acima de tudo tens que te sentir confortável e à vontade com ele. Isto na minha opinião. Enfim, eu nestes assuntos também não sou a melhor pessoa para falar mas pronto, fica a tentativa :)

    ResponderEliminar
  5. Fico feliz pro ti por saber que ele deu a entender que te acha piada :) Quanto ao não sentires que ele é o tal ou não perderes a noção do tempo, não quer dizer que gostes menos ou assim. Acho é que medo interior que tens de te magoar ou então de ser algo novo para ti , está a fazer com que bloqueies e não podes permitir isso. Sabes é normal todo esse nervoso miudinho , e tipo é ires tentando e a ver aos poucos sempre com a cabeça no sítio, tipo ao estares a conheço melhor não vás te estar atirar de cabeça, basta manter os pés a assentes na terra e indo devagar a ver no que dá ...
    Tenho a certeza que vá dar tudo certo estou a torcer por ti, vá pelo menos já falam o que é muito bom :)
    Coragem ;) beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Obrigada a todas.... nunca saberei como agradece o vosso apoio e conselhos... Vocês são as únicas que sabem disto, que ouvem esta alma perdida nestas coisas do coração... Muito, muito obrigada.

    ResponderEliminar