sexta-feira, 7 de novembro de 2014

E cá vou

E mais um dia... hoje, ele voltou lá... automaticamente o meu coração disparou mas agora de uma forma controlada... senti medo, ansiedade e uns nervos miudinhos, mas agora são moderados...

É constrangedor, sinto uma espécie de partilha em silencio, sabemos o que falamos mas ninguém diz nada... Mas hoje foi mais forte, e achei que tinha que tocar no assunto... e toquei de modo a que fossemos os únicos a perceber a conversa... e sabem o que aconteceu? ele começou a falar de outra coisa qualquer que nada tinha haver... Compreensível... eu é que fiquei naquela, que se calhar não devia ter tocado no assunto, mas enfim, agora já está... Eu achava que se fala-se nisso seria uma maneira de quebrar ali uma barreira, mas pelos visto enganei-me... sei que os próximos tempos, sempre que o vir não vai ser fácil, é algo bastante embaraçoso...

Acho que dei mesmo a entender que não queria nada com ele... nunca mais enviou mensagem... É assim, um dia de cada vez.

4 comentários:

  1. Agora é só perceberes se realmente não sentes o mesmo e tentar darem-se bem, e se te arrependeres e quiseres tentar algo mais não deixes passar a oportunidade e tenta, não deixes de aproveitar o que pode ser uma oportunidade de seres feliz... Agora que já o fizeste uma vez (iniciativa em puxar tu o assunto) já sabes que não custa assim tanto :) Força

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha nunca pensei que fosse tao difícil perceber o que sentimos por alguém... pelo menos desta maneira. Quando decidi tomar a iniciativo foi na tentativa de haver uma proximidade maior, quebrar ali qualquer coisa, uma vez que já tínhamos falado um pouco no FB...
      Mas ainda sinto que existe ali uma barreira grande... enfim

      Eliminar
  2. Muito bem diria eu, conseguiste arrumar a tua cabeça e colocar os pensamentos no sítio. Fizeste o que devia ser feito, acho eu que seria pior se talvez tivesses dado esperança e mais tarde bem resolvesses dizer que não querias nada com ele. É natural ele ter ficado meio coiso contigo mas pronto a vida é assim...
    Pode ser que um dia ainda consigam ser amigos ou pelo mesmo falar naturalmente :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, Mariah, tocas-te no ponto certo: "pelo menos falar naturalmente " ai ai, por enquanto ainda é um pouco constrangedor, apesar de tentar disfarçar.

      Eliminar