sábado, 31 de maio de 2014

Miudagem


A miudagem nunca fez parte da minha vida... as crianças que haviam e há na família vivem longe de mim, por isso só as vejo esporadicamente... Acho os baby´s um encanto, umas coisinhas fofas que só apetece dar beijinhos e aperta-los... o pior em quando crescem e ficam pestinhas e dão cabo da paciência a um santo... Já vi miúdos a fazer birras que dá vontade de os deixar ali e fugir (ok, estou a exagerar), mas só um amor de Mãe (e Pai) aguenta o que eu já vi...

Quando penso na hipótese de um dia ter um baby meu, não consigo chegar a um consenso... para mim é das maiores decisões que alguém pode tomar... é uma responsabilidade enorme e saber que a partir daquele momento nunca mais seremos "nós" e "nós" mas sim, "nós" e um outro ser, que está para todo o sempre ligado a nós.

Isto para dizer que, enquanto caminhava para o trabalho, passou por mim um "bando" (no bom sentido da palavra) de crianças aos pulos, numa fila indiana que de fila não tinha nada e começaram a acenar-me com os braços no ar e uma alegria contagiante "Olá Maria"... Opá adorei aquela miudagem... puseram-me um sorriso na cara, daqueles que não conseguimos tirar e que só ao fim de 5 minutos reparei que ainda estava a sorrir... pronto, os pestinhas também são anjinhos (quando querem).

2 comentários:

  1. Eu passei um dia da criança com a minha princesa e foi muito bom :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom :)

      As princesas são maravilhosas!

      Eliminar