quarta-feira, 21 de maio de 2014

Inoportuno (talvez)




Hoje fechei o guarda-chuva e "voei" até casa num emaranhado de vento, frio e chuva... numa dança de cabelos soltos... O cheiro da terra molhada, da lenha queimada transportou-me para o aconchego que só a nossa casa nos dá... hoje gostei deste "clima" inoportuno nesta época do ano, talvez por isso me soube bem... estranho, para uma "amante" do verão...

2 comentários:

  1. "Hoje fechei o guarda-chuva e "voei" até casa num emaranhado de vento, frio e chuva... numa dança de cabelos soltos... O cheiro da terra molhada, da lenha queimada transportou-me para o aconchego que só a nossa casa nos dá..."

    Gostei!

    ResponderEliminar