segunda-feira, 14 de abril de 2014

A tua melodia


 
Hoje ouvi a tua a voz... É sempre bom ouvi-la, mas é o que chega para (re)começar a imaginar coisas... as vezes é melhor não ver, não ouvir, não sentir...

Queria o impossível... só queria saber o que vai dentro da tua cabeça, se serei só mais uma pessoa que se cruza contigo na rua ou alga mais... Mas isso nunca vou saber, nunca soube e por vezes é melhor não saber ou provavelmente até sei, e (in)conscientemente quero acreditar em mim, em vez da mais que provável verdade.

Sem comentários:

Enviar um comentário