quinta-feira, 20 de março de 2014

Desculpa





Estou cansada, sem paciência, aliás já a perdia à muito... são muitos anos, demasiados anos, que quase se confundem com o tempo da minha existência... estas crises que não consigo perceber... tu isolas-te, não dizes o que se passa, não sei se é culpa minha, se sou demisso insensível, fria, dura contigo... mas, de certo modo são mecanismo de defesa que foi criando... sabes que és tudo para mim, o meu mundo... mas esta depressão que vai e vem, que ora entra de rompante ora entra com pés de lã... são muitos anos, a paciência esgota, desculpa.... sabes que te amo, só podemos amar uma Mãe assim... mas estou cansada dessa depressão, exausta, não me percebes e eu não te percebo... desculpa Mãe, amo-te.

Sem comentários:

Enviar um comentário