quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Genética ou meio envolvente?



No telejornal de hoje vi a seguinte notícia: "Gêmeas adotadas por pais de diferentes países descobrem a existência uma da outra após vídeo no YouTube"

Achei curiosa a historia... a probabilidade do encontro das gémeas era mínima, pois uma vive em Londres e outra nos EUA... mas encontraram-se por mero acaso (ou não!)...

Mas esta noticia remete-me para uma questão: O que somos, a nossa personalidade, os nossos gostos, as nossas preferências, os nossos comportamentos devem-se à nossa genética ou ao meio envolvente?

Acho interessente este caso... poderia ser um ótimo meio de estudo...

2 comentários:

  1. Uau, a sério? Eu pensava que essas histórias só aconteciam nos filmes e não na vida real.. :P
    Mas realmente é mesmo bonito, as duas se encontrarem. E eu acho que a nossas personalidade e tudo o que a envolve deve mesmo ao meio que nos encontramos, à sociedade em que vivemos e por último às pessoas com quem nos relacionamos. É natural que tenha o seu toquezinho genético, mas grande parte da personalidade constroi-se com experiências de vida..
    Beijinho e feliz dia ;D *

    ResponderEliminar
  2. Diria que é um misto dos dois, mas cada vez mais do meio envolvente, meio, pessoas, etc. A genética apesar de ser importante penso que não tem tanta influência no que nos tornamos - personalidade, comportamentos, gostos.

    ResponderEliminar